terça-feira, 30 de maio de 2017

Botuverá - Parque das grutas e cavernas de Botuverá

Oi vizinhos, como estão?

 

Eu continuo aproveitando os passeios pelas redondezas, enquanto minha saga não começa rsrs.

Dessa vez o destino escolhido foi Botuverá , mas precisamente a Gruta.

 
Imagem do site da globo, fizeram uma reportagem na Gruta.
 

A viagem durou duas horas (saímos de Joinville) , fomos por dentro de Brusque, bem fácil de achar, foi bem tranquilo. Logo depois de Brusque é Botuverá, vai reto toda vida e chega na gruta rsrs. A Igreja no centrinho é  um charme.

 

 

O dia estava nublado, bem fresquinho, quando saímos da gruta caiu a maior chuva mas logo passou.  A Gruta é espetacularmente linda, encantadora, incrível. Sabe aquele lugar que só vendo mesmo? Não tem como descrever? Então....saímos deslumbrados de lá.

Caminho para entrada da Gruta

Obrigatório o uso do capacete


Depois dessa ponte fica a bilheteria e entrada pra Gruta

Tem um rio charmoso

 

  Infelizmente, não pode bater foto lá dentro ( as fotos da gruta que estão aqui no blog peguei no site deles e na internet ) , uma pena, pois queria muito guardar uma recordação em foto, lugar maravilhoso. A Gruta tem mais de 65 milhões de anos, as Estalactites e Estalagmites crescem 1 cm³ a cada 100 anos, é algo surreal.  

A entrada do parque

As estalactites  são formações rochosas que se originam no teto, crescem para baixo, em direção ao chão, quando uma estalactite encontra uma estalagmite, foram colunas ( isso leva milhares de anos para acontecer ).

 


 

As estalagmites crescem a partir  do chão e vão em direção ao teto, são formadas pelas gotas de chuva, vai caindo no chão e formando a  estalagmite. O calcário da rocha vai formando esculturas incríveis, além do calcário, tem quartzo, minério de ferro e isso define a cor delas.

 
Aqui podemos observar uma coluna quase se formando, estão quase se tocando. Levará ainda muitos anos para se encontrarem, pois crescem 1cm³ a cada 100 anos.

 
 

Foi um passeio incrível, nunca vi nada tão lindo e espetacular até hoje.
O passeio é agendado somente para grupos com mais de 10 pessoas, como fomos em 3,
fomos na sorte mesmo, e tivemos muita sorte pois chegamos ás 9:30  e entramos ás 10:00 na Gruta. Para fazer a visita tem o valor do ingresso que custa R$ 14,00. Tem uma lanchonete no local e o almoço custa R$ 22,00 livre, também tem lanches.

Entram apenas 15 pessoas por grupo e no máximo entram 13 grupos durante o dia, totalizando 195 pessoas por dia. A visita demora 45 minutos, mas sério, parece menos, queria ficar mais Tempo lá.

A Gruta tem 1200 metros, mas o turista pode visitar apenas 3 salões,  a visitação no restante da gruta  é  liberado apenas para pesquisadores.
É obrigatório o uso do capacete (disponibilizam na entrada),  também é exigido o uso de um calçado fechado e antiderrapante, não pode se apoiar nas formações rochosas e não pode bater foto (celular deve fica no armário).

Em um momento da visita, o guia apaga as luzes para termos a real sensação de como é dentro de uma caverna ,  fica totalmente escuro , não se enxerga absolutamente nada. Existem muitas espécies de  animais catalogados dentro da gruta, aranha, escorpião, morcegos , grilos entre outros, mas ficam escondidos , tivemos a sorte de encontrar um grupo de morcegos dormindo no teto.

O parque funciona todos os dias, pesquisando na internet conseguem mais informações , super recomendo a visita para quem estiver pela região.

 

Bjos da Adri 

 

Um comentário:

  1. "Não pode se apoiar nas formações rochosas?" Ah! Estava achando um bom passeio para a família... mas até meu molequinho seguir esta regra... vamos ter que esperar alguns anos! kkkk

    Muito interessante! Se é lindo ver nas fotos, acredito mesmo que ao vivo deve ser uma experiência muito emocionante.

    ResponderExcluir